Presente da Natureza

Feb
2008
21

posted by on Divagações

5 comments

Preparar a terra, separar as sementes, plantar, regar, adubar, pôr no sol, tirar do sol, drenar o vaso, podar, recolher as folhas secas da terra, trocar o vaso.

Cultivar ervas não é tarefa das mais fáceis, certo?
Errado.

Há muito venho vigiando o comportamento de uma “mocinha” que apareceu na fresta entre dois tijolos da minha parede. Apareceu, assim, vamos dizer… como quem não quer nada.
Dada a localização e principalmente as condições em que ela se encontrava, nem criei expectativas quanto a sua longevidade.

Hehehehe… me estrepei! (Ainda bem!)


Esse pé de salsinha apareceu misteriosamente aqui em casa, sem eu nunca ter sequer  adubado, regado ou podado qualquer uma de suas folhinhas!
E por aqui vai permanecer até quando ele quiser e bem entender, pois além de enfeitar lindamente meu hidrômetro, quem sou eu para fazer desfeita com a dona natureza???

Alguém vai de cheiro verde, aí?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comente pelo Facebook!

5 comments

  1. Marcele Martins

Trackback e pingback

No trackback or pingback available for this article

Leave a Reply


9 − = 3