pão de queijo casquinha de fruta salada de batata sanduíche de pão de queijo cerveja da boa! hamburger de porco bolo de brigadeiro frango com abobrinha

posted by on Vegetais

7 comments

Ai minha Nossa Senhora protetora dos mortais que gostam de verão! Olhe por mim!!

Estamos no final da primeira semana de setembro e é realmente necessário que esses termômetros continuem abaixo dos dez graus?
Tá, eu vou parar de reclamar pois nem eu estou mais me aguentando!! || Read more

posted by on Doces

14 comments

Sempre dei de ombros para aquela informação que consta nas embalagens de alimentos: “Contém Glúten”. Ou então: “Não Contém Glúten”.
Não era comigo mesmo…

Pra falar a verdade, nem sabia direito o que era o tal do Glúten. || Read more

posted by on Massas, Vegetais

8 comments

Hoje trago a versão cor de rosa da série “Panquecas Coloridas”.
Para obter um resultado tão saboroso e nutritivo quanto as de espinafre, você vai precisar apenas acrescentar à massa, uma beterraba crua pequena (pesei a minha… contabilizou somente 58g) e 15g de nozes. || Read more

posted by on Uncategorized

12 comments

O quê fazer após um final de semana com um dos mais sensacionais churrascos que você já participou?
Saladinha? Peixinho grelhado?
Depois de um sábado com sensacional matambre (poxa, não consegui tirar foto…) e uma costela assada… sim, eu fui de pescadinha branca e salada de rúcula. O meu domingo foi leve, leve.

Só que a semana já começou, e eu precisava de um pouco de carbohidratos.

Arroz arbóreo pra panela então!

Dois litros de caldo de legumes em uma panelinha, esquentando devagarinho.
Uma cebola ralada em um fio de azeite em outra panela, até dourar.
Juntando 250 gramas de Arroz Arbóreo (ou Carnaroli, ou Vialone Nano) e fritando por alguns minutos, até os grãos selarem bem, eu tinha o começo de qualquer risoto.

Uma xícara de cogumelos porcini secos e outra xícara de pancetta já frita, ambos muito bem picados pra caçarola.

Uma nuvem de aromas se formara quando um cálice de conhaque foi acrescentado à mistura.

O caldo de legumes começava à borbulhar. De concha em concha, eu incorparava o caldo ao arroz. Sem nenhuma pressa… o risoto é assim, beibe.

Dois terços do caldo já haviam sido incorporados, quando pequenos cubinhos de queijo fundido se juntaram ao meu prato favorito, até derreterem. Mais um pouquinho de caldo, mais um pouquinho de paciência e o arroz ficou al dente.

Por cima, alguns pequeninos tomates cereja, bem frescos: Meu risoto estava pronto!

risoto-de-funghi-edit

Pronto pra começar a semana. E rumo ao próximo churrasco!

O cozinha pequena indica:

O risoto de funghi da Juliana e o maridinho

A nossa listinha de risotos

posted by on Massas, Vegetais

5 comments

lasanha

A imaginação anda muito pouco saliente, na verdade, voltada para outras novas (e bacanas) coisinhas que andam acontecendo na minha vida, portanto, nesse fim-de-semana, nada muito criativo saiu de minhas panelas. || Read more

posted by on Sem categoria

8 comments

Meu pai ia lá provar essa iguaria quando tinha minha idade.
Os Demônios da Garoa vão lá todo domingo. E duvido que, de vez em quando, não provem.
Pelé levava trupes de mais de quarenta pessoas por vez lá, só para provar seu prato favorito.
Eu sou um grande fã. || Read more

Polenta colorida

Aug
2008
28

posted by on Vegetais

8 comments

 

polenta1

Quem acompanha o CP desde o início, sabe que eu cozinho somente pra mim com a mesma alegria e disposição que cozinho para uma turma de amigos.
Nunca me intimidei pelo fato de estar preparando algo só pra minha diminuta pessoinha, e, principalmente me policio para não sucumbir aos instantâneos ou take away da vida. || Read more

Sushi caseiro

Aug
2008
27

posted by on Frutos do mar, Vegetais

5 comments

sushi8

Eu não sou uma pessoa muito reticente com sabores, e posso dizer de modo geral, que como de tudo. Quando comecei a ter uma relação um pouco mais estreita com a culinária, percebi que antes de mais nada era preciso ser uma boa “comedora”.
Longe de mim impor qualquer tipo de teoria ou fazer disso uma regra geral, mas comigo funcionou assim: quanto mais eu me disponibilizava a conhecer os sabores dos alimentos, mais eu aprendia a lidar com eles. || Read more