Broinhas de fubá

Mar
2010
01

posted by on Pães

38 comments

Não tem jeito… como eu disse, adoro milho!
E, vendo um dos melhores blogs de gastronomia que conheço, o Come-se, da Neide Rigo, que cheguei à essas maravilhas.

Broas de milho fazem parte do meu café da manhã desde que me conheço por gente. Depois de adulto, sempre as fiz, mas de uma outra forma, totalmente diferente. Elas ficavam mais ressecadas, duravam poucos dias depois de prontas, enfim, não eram tão gostosas.

Eu tinha um problema: a receita leva polvilho doce, que eu não tinha em casa. E eram 11 horas da noite, quando encasquetei em fazer. Ninguém merece!

De novo, o blog da Neide me salvou: a farinha de tapioca e o polvilho são a mesma coisa. Subprodutos da mandioca. A tapioca é feita com o polvilho, como ela ensina. E farinha de tapioca eu tinha. Que felicidade!

A receita das broas? Reproduzo abaixo:

Broinha de fubá

  • 2 xícaras de fubá de milho amarelo (ou branco);
  • 1,5 xícara de polvilho doce (usei a mesma quantidade de tapioca);
  • 3,5 xícaras de leite;
  • 1 xícara de açúcar;
  • ½ xícara de óleo;
  • 1 colher (sopa) de erva-doce;
  • ½ colher (chá) de sal;
  • 5 ovos pequenos;
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó;
  • Fubá (para polvilhar).

Junte o fubá e o polvilho (ou a tapioca) em uma panela. No caso de usar polvilho, peneire ele junto do fubá para misturar bem.

Acrescente o leite, o açúcar, o óleo, a erva-doce e o sal.

Leve ao fogo e cozinhe, sem parar de mexer, até formar um angu bem duro (não se assuste se grumos começarem a se formar; é que o polvilho gelatiniza antes que o fubá – é só continuar mexendo e tudo dará certo).

Espere esfriar, passe para a tigela da batedeira (eu usei o gancho, ao invés do fouet, pois a massa realmente é pesada) e vá juntando os ovos já mexidos, aos poucos, e batendo sem parar. Junte o fermento em pó e bata mais para misturar bem.

Unte uma assadeira com manteiga e polvilhe com fubá. Aqueça o forno à 250 graus.

Coloque um pouco de fubá dentro de uma xícara de fundo redondo e coloque uma colher (sopa) rasa da massa dentro dela. Agora, chacoalhe rodando a massa até que ela se transforme numa bolinha. Isto é feito porque a massa é meio molinha para ser enrolada nas mãos. Vá colocando na assadeira, deixando um espaço entre elas (as bolinhas crescem bem).

Leve para assar, por cerca de 50 minutos ou até que elas fiquem douradas e firmes (como um bolo).


Consegui 50 broinhas, deliciosas, pro café da manhã do dia seguinte. Coisa linda!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Comente pelo Facebook!

38 comments

  1. Vanisa
  2. Leilah
  3. Gabriela Costa
  4. Etsuko
  5. Alexsandra
  6. Claudia
    • Carlos Augusto
  7. Cibeles
  8. Carlos Augusto
  9. Mariana
  10. Silvana
  11. camilla

Trackback e pingback

No trackback or pingback available for this article

Leave a Reply


− 1 = 2